28 de fev de 2014

enganando a filha


Tenho uma lista de coisinhas pra costurar e brincar na amiga máquina de costura. O tempo anda curto, então pra cumprir a terapia e tricotar aqui 'cazamiga', fiz esse porta-caderno, itens de desenho, capa para livro, sei lá. Já se tornou multiuso pra menina. A menina é a que mais pede coisinhas e já tinha pensando nesse cara aí em cima por ser rápido de fazer, só pra enganar e ela parar de pedir coisinhas! Pior que quando a gente começa, não quer mais parar de costurar!

Claro que já vi mil defeitos, né? Olha esse tecido repuxando! Esse viés! Nem com o truque do clipe não consegui fazer o ponto do viés reto!

O tecido ficou repuxado porque usei um revestimento que comprei há meses e nunca tinha usado.
Eu não sei o nome (me ajude aí, se você souber) mas ele é duro, como se fosse uma folha de cartolina bem resistente, flexível, dobrável até, com o qual pode-se fazer bolsas de mão, as famosas clutches!
Só usei agora. E por mais que tenha a cola para fixar bem o tecido com a ajuda do ferro de passar roupa, como numa entretela, há apenas em uma face desse revestimento. Resultado: ficou puxando. Eu deveria ter usado uma manta acrílica fina do lado sem cola, mas foi só a primeira vez.

Acho que consegui enganar. A próxima costurice a mostrar aqui foi feita pro menino, mas ela ia ficar com ciúme, então passei ela na frente e terminei a dela primeiro.



Semana passada, listamos aqui as coisas que mais irritam quando costuramos e que nos faz mais fortes do que as outras pessoas. :)
Algumas pontos foram lembrados nos comentários e fiquei surpresa com coisas que eu mesma esqueci de acrescentar no post. Lá vai:

Viés: Eu que o diga!
Ponto invisível: Quando você continua costurando depois que a linha da bobina acabou. Ou seja: Você não está costurando nada!
Lei de Murphy: Essa lei é cruel com as costureiras. Não importa o que você está fazendo e o quanto experiente você seja, a linha sempre vai quebrar ou acabar quando falta 5 cm para você terminar!
Pregar botão: ele desliza no tecido, não fica no lugar que você quer... Ah, tenha santa paciência! Eu tenho uma máquina de costura, não sou bordadeira, sou costureirinha!
Manual de instruções: Você sabe onde o seu está? O meu sumiu! Sei que deve até existir uma função para pregar botão na máquina, mas aí pra descobrir vou ter que ler o Manual de Instruções e ainda achar uma daquelas peças malucas que vêm junto na máquina quando você compra. Parei por aqui.

Pra acabar o post de um jeito LINDO, vai uma imagem de um galã de Hollywood que costurava: Paul Newman! O homem, cujos olhos foram eleitos os mais bonitos da história do cinema... ai. :)

via Tumblr

13 comentários :

  1. Oi Priscila,
    Ficou fofo!
    Seus clientes mirins sempre te inspirando rs
    Sempre com tecidos lindos também.

    Costurei viés no desafio casinhas (panô) quase que manualmente rs
    Eu sei onde está o manual, como uso - muito raramente a máquina - deixo ele por perto, porque acabo esquecendo o pouco que sei da máquia.
    E nessa semana descobri um recurso que não sabia que tinha por aqui.
    Não, claro que nem olhei para o manual todo quando comprei rs
    Fui testando tudo rsr

    Legal a tradição do seu marido, só vi em filmes!
    Que lindo!!!
    A costura do Paul Newman rsrs
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Oi Pri,
    Pra mim ficou lindo, perfeito... se você olhasse minhas tentativas de costura nunca mais ia colocar defeitos nas suas arterices. =P
    Acho uma graça esses projetinhos que você faz para os pequenos.
    Beijos e bom finde!!

    ResponderExcluir
  3. Tempo??? Ainda não sei onde ele foi parar porque ando economizando respiração para ver se sobra um pouquinho mais de tempo. Suas costuras ficaram lindas e, como não sei fazer nadinha disto, fico com a imagem do galã.

    ResponderExcluir
  4. A última imagem é uma excelente motivação para todas costurarem :) :) !!

    ResponderExcluir
  5. Então além e lindo, ele costurava? Meu Deus!
    Vc já experimentou costurar o viés a mão, com ponto invísivel (ou pelo menos disfarçado, bem pequenininho, com linhas da mesma cor do viès?) Fica tão bem feitinho e é gostosinho de fazer. Eu, particularmente, aprecio, já que a minha costura reta tem algumas curvas inexplicáveis.
    Eu tb ODEIO qdo acho q tô costurando e a linha da bobina acabou! Tb não sei pregar botão à máquina e tenho preguiça (é feio admitir, né?), e muitas vezes a linha termina mesmo a poucos centímetro do fim.
    Ah, minha Nossa Senhora das Costureiras Amadoras e Aflitas, onde estás que não ouve nossos clamores??????

    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Olá Pri,
    Sorte a sua que ainda tem pedidos em casa! Aqui eu faço alguma coisa, pergunto às meninas (ao menino nem adianta perguntar) se gostaram, se querem igual (só para eu poder ter a desculpa de fazer mais alguma costura) e elas: ah não mãe, deixa prá lá! Ou seja, já não consigo vitimas em casa, tenho que procurá-las noutras casas!!
    Ficou muito bonitinho o porta caderno! as mulheres são sempre mais impacientes, há que satisfazê-las rapidamente!
    A lista de contratempos na costura, daria para continuar na certa, com mais surpresas! essa do livro de instruções é uma verdade, eles nunca aparecem quando é preciso.
    Ai o Paul costurando, ai ai ai e mais suspiros e suspiros...
    Bjs e bom carnaval!

    ResponderExcluir
  7. Vc é corajosa. Só de olhar o viés, já estremeci aqui... hahaha!
    Infelizmente não sei o nome deste material que vc usou. Acho que nunca vi tb.
    Sou louca pelos seus tecidinho. Ah, isso eu já falei... rs!
    As meninas gostam mais de 'coisinhas' do que os meninos. E com uma mãe talentosa assim, até eu ficaria pedindo mil 'coisinhas'.
    O meu bloco de Carnaval será nos chocolates. Tô testando umas receitinhas de Páscoa aqui.
    Bjns
    :)

    ResponderExcluir
  8. Lindo, Pri! Se vc tem o mesmo olho que eu, provavelmente sofre como eu ao finalizar uma obra. Tem defeitos que só o criador encontra nas suas obras - provavelmente pq na nossa cabeça a obra estava bem melhor do que ao vivo. Mas as outras pessoas não sabem disso e é aí que a gente se consola... hehehe

    Beijo.

    ResponderExcluir
  9. Então... aquela maquininha da vitrine estava à venda, sim. Mas é de madeira, com gavetinha. super fofa! Se não me engano, estava uns 70,00 ou 80,00.
    Tb amo máquinas antigas. Já avisei a minha mãe que a que está lá na casa dela (e que foi de minha avó) já é minha... kkkkkkkk!
    ^^

    ResponderExcluir
  10. Amiga que tecido mais lindo, deve ser mto divertido ter uma mae criativa e cheia de bom gosto assim como vc! Nao sei pq eu achava que teu blog era wordpress, agora vou add ele na minha lista pra ver sempre as atualizacoes. Vc acredita que eu achei veet aqui com 40 folhas numa caixa por £1.50? Fiz um estoque kkkkk. Beijos =*

    ResponderExcluir
  11. Ficou lindo!
    Estou tentando fazer a barra de uma cortina e estou sofrendo!
    Um dia quero ser como você!

    Blog Dona Ingrid

    ResponderExcluir
  12. Oi, Pri! Eu acho engraçado você falar das coisas que não estão certas, pq eu que não costuro não vejo nada disso! rsrs
    Paul costurando! Suspiros...

    ResponderExcluir
  13. Olá Pri,

    Você lembrou de tanta coisa "incomodante", aquelas que te faz levantar da máquina ir procurar alguma coisa gostosa na cozinha, ou só beber um copo d'água, mas na verdade fomos buscar um pouquinho de paciência. Para mim o que me tira do sério é ter que desmanchar uma costura feita com ponto miúdo e apertado!!!
    A capa de caderno ficou linda, com detalhes tão lindinho, a menininha deve ter ficado muito feliz!
    Beijo

    ResponderExcluir

Obrigada por costurar seu comentário aqui no bloguinho! ♥
Perguntas são respondidas no seu blog.