8 de out de 2014

aquele sinal


Sabe aquele dia que você senta pra costurar e a linha não pára de quebrar? Você checa tudo na máquina e ela continua quebrando. Acredito que isso é um sinal. Um sinal de que você deveria dar um tempo a ela, mesmo depois de todas as tentativas, limpezas e óleo. Até porque você já ficou nervosa o suficiente pra deixar a sua costurinha de um jeito que você não vai gostar, caso ela venha a funcionar de novo. 
Aprendi isso com a minha mãe. E olha que minha mãe sempre levantava, tomava um café e voltava porque ela costura até hoje profissionalmente e tem prazos pra cumprir. Não pode se dar assim ao luxo de deixar pro dia seguinte. Mas pra quem ama costurar e vê na costura uma terapia (como eu) ou tem pouco tempo e finalmente vai matar aquela saudade, é difícil aceitar. Mesmo assim, sem costurices pra mostrar hoje por aqui, resolvi fotografar o meu cantinho de costura que ganhou uma mesa nova de trabalho recentemente.





Foi o presente de aniversário da minha filha aos 6 anos. Ficou pra mim porque ela disse que agora tem 10 e é quase uma mocinha, pega mal!

Daqui a pouco eu tento de novo.