3 de nov de 2016

tom, o mais novo amigo do menino

O menino sempre quis um cachorro, como praticamente toda criança e isso é algo que venho adiando porque já tive dois na minha infância: meus irmãos e eu brincamos alguns meses com eles e todos os anos seguintes foi minha mãe quem cuidou deles, levou a veterinário, limpou sujeira, alimentou, deu banho e etc. Ou seja: bichinho de estimação não é bichinho de pelúcia, é um filho. E eu não me sinto pronta pra ter um terceiro. Não agora. Eu sou muito apegada aos meus filhos, tenho o privilégio de estar com eles diariamente porque só trabalho aos fins de semana e sinto que quanto eu tiver mais possibilidade de trabalhar mais, quando eles estiverem maiores eu vou sentir muita falta disso hoje. Aí sim é possível que eu adote um cãozinho. Pra não desanimar o pequeno, fiz esse cachorrinho, com tecidos escolhidos por ele. 

O projeto é do blog alemão Titatoni, que não inclui o nariz do cachorrinho (eu providenciei) mas tem moldes e um vídeo pra quem quiser tentar. Aí abaixo, está o Tom, o mais novo amiguinho do menino: