25 de dez de 2015

natal vivido

O meu Natal foi distante das redes sociais e do blog por causa daquele estresse típico de fim de ano, de correr atrás dos presentes, de abastecer a geladeira porque o supermercado vai fechar por alguns dias, por colocar a casa em ordem, enfim. Faltaram dedos pra enquadrar a imagem dos momentos, então ocupados com os laços dos presentes, os enfeites da árvore, os ingredientes do jantar.




Essa ausência me gerou até uma certa culpa. Porque os pacotes de presentes por exemplo, foram puro DIY e não estiveram aqui ou no meu Instagram. Já foram rasgados pelas crianças na noite de ontem ao abrir os presentes. Eu, tão feliz e orgulhosa por não ter comprado um papel de presente sequer e nenhuma fita, consegui fazer todos os pacotes e não há mais pacotes pra mostrar de tão corrido que tudo foi. Tão corrido foi meu Natal, que passou. Natal vivido. 



 E num piscar de olhos, passou.
Alguns registros existem, claro. Como o menino vestindo a meia de Natal que costurei. Estiveram aqui o meu Calendário do Advento e algumas pequenices natalinas de decoração feitas à mão, mas preciso aprender a registrar melhor minhas craftices.
O blog entra em férias e volta ano que vem.
Desejo um restinho de Natal de descanso, paz e um 2016 de muita criatividade.


10 de dez de 2015

meu natal feito à mão


Chegou aquela época do ano em que parece estarmos mais felizes que as crianças ao mexer na decoração de natal. Pra mim que sou crafiteira e costureirinha é uma diversão, uma grande inspiração e especialmente interessante até economizar um dindin fazendo eu mesma a minha decoração de natal. A proposta é a mesma do ano passado: adquirir sim algum material mas produzir com isso, investir nessa minha terapia e incentivar a minha criatividade com o que tenho em casa. Deu nisso. 
Até a casinha de jardim das crianças ganhou guirlanda: 




 Aqui se vê onde o calendário do advento ficou: bem no meu cantinho criativo.

A próxima aventura é a montagem da árvore. Compramos o pinheirinho de verdade todo ano, já que aqui a natureza permite. Monta-se a árvore na ante véspera de natal, nada de montar em outubro, novembro como no Brasil. Demorei pra me acostumar mas me adaptei a isso. até lá os enfeites vão sendo preparados. =)



22 de nov de 2015

meias de natal

Não acredito que em todos esses anos de costurices eu nunca fiz meias de Natal para as crianças.
Essa foi mesmo a primeira vez, a pedido deles. Lá vem mais presentinhos, docinhos a preencherem essas meias na noite de Natal.
As produções natalinas vão bem aqui e devem ser todas registradas no bloguinho. Com alguma dificuldade com a luz, claro, já que o inverno chega e a luz do dia se vai. Os dias se tornam noites quase e as fotos precisaram ser feitas lá fora, embora as meias já estejam na sala de estar.




11 de nov de 2015

calendário do advento

Sei que é cedo mas não aguentei ficar olhando os tecidinhos com a ideia na cabeça. Por mais que o Calendário do Advento venha a ser usado a partir do dia 1° de dezembro para presentear as crianças com pequenos mimos na contagem regressiva pro Natal, eu já fiz o meu simplesmente porque o tecido chegou e estava ali, olhando pra mim.
Este ano, diferente da moldura de quadro e varal que usei no meu Calendário do Advento do ano passado, precisava ser uma costurice. Só não tinha ideia de como pendurar e usei um galho de árvore para suportar meu projetinho na parede. Os números de feltro foram desenhados e costurados à mão, já que a proposta é deixar o trabalho com 'cara de feito à mão'. O que pra muitos é trabalho, pra mim foi carinho. 
O calendário já ganhou seu cantinho, perto da minha mesa de costura.







28 de out de 2015

brincando com jersey

Vou começar apresentando o menino, que se chama Manuel (ou Mané, ou Manezinho), tem 5 anos e ganhou alguns trocados como modelo para essas imagens. Além das toucas e lenços pra proteger o pescoço nesse frio de outono por aqui. Foram 4 estampas diferentes, escolhidas pra minha primeira aventura com o Jersey, aquele tecidinho escorregadio, esticadinho que se usa para roupas e acessórios.
Chegou a minha vez e a necessidade, com o frio batendo na porta, de experimentar o Jersey.
Como todo modelo iniciante, ele ficou muito tímido. Mas foi se soltando.










"Mãããe! Termina logo!" =)

Se eu não pagasse o dinheirinho pra comprar doces, ele jamais teria parado de brincar pra fazer as fotos! ♥

20 de out de 2015

colorido vs cinza

Foi numa manhã cinza que fotografei a mala de desenho que fiz pro meu filho. Pra melhorar seus traços e convidá-lo pro encanto que cada criança tem que é ir pra primeira série. Ele ainda tem 5 anos e vai pro jardim de infância mas tem preguiça de desenhar. O menino é aventureiro e troca uma mesa cheia de lápis e papel pra rabiscar por uma tarde na floresta com os amigos. Ah, a infância no interior. A mala, igual a da menina, que já ganhou 2 concursos de desenho na escola e hoje faz mangás, vem para tentar dar um empurrãozinho numa habilidade mínima necessária para os próximos anos e fazer o menino ter paciência pra sentar e desenhar.




Tento assim, colocar um pouco do meu amor na minha vida, nessas tarefinhas da vida que necessitam nossa atenção, mesmo quando estamos exaustos. Ele adora quando costuro pra ele, visto que a menina já ganhou tantas costurices da mãe que não sei mais nem o que fazer pra ela.
A maleta de desenho também já foi um projetinho que me salvou uma vez quando não sabia como presentear uma menina. 
Foi difícil fotografar nesse dia cinza. Amo a luz natural do sol pra tirar fotos. Foi eu terminar o post e o sol saiu. =)