17 de set de 2018

bolsa de carteiro: a irmã mais velha.


Comecei a estudar Hotelaria em julho deste ano, num tipo de formação de escola técnica, onde se aprende a profissão em um estágio num hotel paralelamente freqüentando as aulas. Para toda a correria que tem sido a minha, a freqüente troca de uniformes correndo pelos departamentos do hotel e carregando livros e cadernos, me empenhei em costurar bolsas pra essa nova fase da vida, que explica a minha ausência aqui do bloguinho.
A irmã mais velha de três projetos (que vou mostrar aqui aos poucos) que me ajudaram nessa empreitada foi uma bolsa-carteiro. Ela vai me ajudar a carregar toda a tranqueira dos estudos na escola de profissões. Sempre achei esse tipo de bolsa elegante, prática e sabendo costurar, pude adaptar a idéia para as minhas necessidades, com compartimentos internos pro material que vou precisar em aula e no tamanho necessário pro meu fichário, além de ir  já pensando em compor o molde imaginando que possa usá-la pra carregar o notebook em alguma viagem ou qualquer oportunidade.


Não resisti ao charme desse fecho em forma de chave:




 A alça também recebeu novos acessórios cada vez mais presentes nas minhas costurices:






























O bom amigo couro artificial me ajudou a dar um toque mais sério à bolsa, ainda com cara de feito em casa  com meus pontinhos tortos e corte imperfeito:































Ansiosa pelas aulas, que começam pra valer em outubro, embora eu tenha me sentido já um tanto desconfortável perto de muita gente mais jovem que eu, que já alcancei 32 aninhos de vida. 

♥ Minha inspiração veio deste molde disponível pra venda on-line aqui em inglês: IThinkSew
♥♥ A minha lojinha online fechou porque o portal alemão DaWanda fechou em agosto deste ano e foi comprado pelo grupo Etsy, onde eu não gostaria de seguir com meu pequeno negócio por enquanto, além de estar precisando muito de mais tempo pra mim mesma ultimamente.
♥♥♥ Post da irmã do meio vem em breve! ;)